OBS de 22/09/2016: Queridos leitores, infelizmente o site Jornal |Jardins,teve um problema e as fot

Minha foto

Sou uma apaixonada pela vida, sem limites pra sonhar...
Sou determinada, e adoro as coisas simples da vida... Não gosto de nada mal resolvido, sou preto no branco,o cinza não me convence...Sou sincera e verdadeira e só gosto de me relacionar com gente assim...
Pessoas, que como eu, tem atitude pra mudar o que não está bom, não se conforma, nem se acomoda com o mais ou menos....Ou está bom, ou a gente faz ficar.
A FELICIDADE ESTA EM NOSSAS MÃOS E DE MAIS NINGUEM.
POR ISSO ACORDA MENINA.

sábado, 25 de setembro de 2010

NOITE DE ESTRELAS NO MEMORIAL

Artistas da nova e velha geração se reuniram na noite de sábado (18) no evento Televisão 60 Anos - O Show, no Memorial da América Latina, para comemorar as seis décadas de existência da TV brasileira. O evento foi conduzido por Marcelo Tas e Thais Alves, filha de Vida Alves, a primeira atriz a dar um beijo na televisão brasileira. A Imprensa Oficial também esteve presente com um estande da Coleção Aplauso e com a revista Pró-TV. Os livros da Coleção Aplauso chamaram a atenção do público, afinal, a coleção revela a biografia de vários artistas de TV e cinema. De acordo com Vida, "fico orgulhosa por ter minha história biografada na coleção. Tenho até um espaço reservado no futuro Museu da Televisão para uma biblioteca que se chamará Coleção Aplauso", revela. A atriz também diz que a revista Pró-TV só existe por causa do apoio dos amigos da Imprensa".

Hebe Camargo com governador Goldmann e prefeito de SP, Gilberto Kassab - Pedido de apoio ao Museu da Televisão
Inezita Barroso - 30 anos de programa ininterrupto no ar
Tas disse que o evento foi uma comemoração conjunta de todos os canais. "Em uma época em que nem se pode dizer o nome das concorrentes, é muito bom poder reunir profissionais de todas as empresas", afirmou. As globais Regina Duarte e Laura Gomes se juntaram a Ione Borges (Gazeta), Silvia Popovic (Band), Raul Gil, Hebe Camargo (SBT) e Rolando Boldrin e Inezita Barroso (Cultura) em um show que trouxe de volta os bons momentos da TV.

No dia 18 de setembro de 1950 entrava no ar a primeira transmissão da televisão na América Latina, com a TV Tupi de Assis Chateaubriand. Hebe Camargo, que em 1950 foi convidada por Chateaubriand para cantar o Hino da TV, relembrou que faltou no dia da transmissão. Em vez de inaugurar a TV, ela foi assistir a seu então namorado, Luiz Ramos, no teatro. Quem cantou o hino em seu lugar foi Lolita Rodrigues, "a única que sabe a letra até hoje". Naquele dia, Vida Alves estava na festa, grávida do seu primeiro filho. "Chateaubriand achou melhor que não me mostrassem, sabe, naquela época o pessoal não mostrava mulheres grávidas em público", explica a atriz.
 
Lolita Rodrigues - a única a lembrar até hoje o Hino da Televisão
Na apresentação de 2010, nomes como Antonio Abujamra, Carlos Nascimento, Cid Moreira, Eva Wilma, Fernando Mitre, Gabriela Duarte, George Henry, Goulart de Andrade, Jane Batista, Laura Cardoso, Lima Duarte, Márcia Real, Maria Tereza Gregori, Regina Duarte, Ronnie Von, Silvia Popovic, Tatiana Belinky, Vicente Sesso, Vida Alves e grande elenco estiveram reunidos.

O evento trouxe de volta os bons momentos da TV como a apresentação da cantora Claudia e serviu para lembrar aqueles que foram esquecidos pelo grande público, como Sônia Maria Dorce, que ainda criança e vestida de indiazinha falou a primeira frase da televisão e Maria Tereza Gregori que apresentou o primeiro programa feminino da televisão, o Revista Feminina.
Saulo Gomes levou sua reportagem investigativa sobre o médium Chico Xavier ao programa Pinga-Fogo. ´Aquela reportagem marcou minha carreira e várias gerações de brasileiros que lembram o fato até hoje.´
Saulo Gomes, repórter que completa 50 anos de televisão, declarou que, graças à telinha, conseguiu levar uma reportagem investigativa sobre o médium Chico Xavier ao programa Pinga-Fogo. "Aquela reportagem marcou minha carreira e várias gerações de brasileiros que se lembram do fato até hoje."
O comediante Canarinho declarou que sem a televisão não teria tido a chance de mostrar a sua veia artística e cantou um parabéns no meio da plateia
Lima Duarte estava lá, bem no começo da TV, e ainda hoje dá plantão com sua qualidade artística e talento interpretativo.
Lima Duarte, um dos presentes no primeiro dia de transmissão, emocionou ao contar como começou sua história de amor com a televisão. "Tudo começou porque estragaram nosso campo de peteca", relembra sobre o dia em que o local de brincadeiras serviu de base para a torre de transmissão da Tupi. Profissional de rádio desde os 17 anos, Lima trabalhou como sonoplasta antes de emplacar na primeira novela brasileira, Sua Vida me Pertence, em 1951.
O evento foi apresentado por Marcelo Tas e Thais Alves

fonte: Maria Lúcia Zanelli, da Agência Imprensa Oficial, especial para o Portal Corporativo

fotos: Fernandes Dias Pereira






.