OBS de 22/09/2016: Queridos leitores, infelizmente o site Jornal |Jardins,teve um problema e as fot

Minha foto

Sou uma apaixonada pela vida, sem limites pra sonhar...
Sou determinada, e adoro as coisas simples da vida... Não gosto de nada mal resolvido, sou preto no branco,o cinza não me convence...Sou sincera e verdadeira e só gosto de me relacionar com gente assim...
Pessoas, que como eu, tem atitude pra mudar o que não está bom, não se conforma, nem se acomoda com o mais ou menos....Ou está bom, ou a gente faz ficar.
A FELICIDADE ESTA EM NOSSAS MÃOS E DE MAIS NINGUEM.
POR ISSO ACORDA MENINA.

sábado, 28 de julho de 2012

HISTÓRIAS DAS MARCAS FAMOSAS

CERVEJA E GUARANA ANTÁRTICA

No dia 9 de fevereiro de 1891, 61 acionistas fundaram a Companhia Antarctica. Dois dos acionistas, João Carlos Antônio Frederico Zerrener e Adam Ditrik von Bullow, eram sócios numa empresa de importação, o que facilitava a compra de máquinas e de matéria-prima para a cervejaria. Em 1893, a Antárctica estava à beira da falência, mas a empresa de Zerrener e Bullow, principal credora, assumiu seu controle acionário. Os negócios voltaram a melhorar em 1899. Depois de cinco anos, compraram a Cervejaria Bavária. Em 1908, a Antárctica lançou os refrigerantes Si-Si, Nectar, Club Soda e Paulotaris.

CADILLAC

A fábrica de carros Cadillac foi criada em 1902. Seu nome é uma homenagem ao explorador francês Antoine Launet Lamothe du Cadillac, fundador da cidade de Detroit (EUA). Ele, por sua vez, nasceu na vila Cadillac, localizada em Bordeaux (França).
-O norte-americano Henry Martyn Leland idealizou o modelo. Ele havia oferecido o desenho a Olds Motor Work, mas a empresa rejeitou o projeto porque teria que atrasar sua produção de carros para adequá-los à proposta de Leland.
-O primeiro Cadillac chegou ao mercado em 17 de outubro de 1902. Tratava-se de um monocilindro. A carroceria ficava bem distante do chão porque, na época, as estradas norte-americanas eram muito ruins.
-Foi o primeiro automóvel a usar um sistema de instalação elétrica e motor de arranque em vez das manivelas de partidas. A inovação apareceu no modelo lançado em 1912.
-Os Cadillacs lançados entre as décadas de 1950 e 1960 ficaram famosos por terem uma traseira bem comprida. Essa característica lhes rendeu o de ?rabo-de-peixe?. Um dos carros mais populares do gênero foi o de 1948, desenhado por Franklin Q. Hershey com base nos aviões Lockheed P38 Lightming.
-O cantor Elvis Presley era apaixonado pelo carro. Tanto que teve cerca de 40. O Fleetwood 55 rosa e branco foi o mais famoso.
Cuba é o país com o maior número de Cadillacs em circulação.

CANETA BIC

Marcel Bich, depois de trabalhar em uma empresa de tintas durante a Segunda Guerra Mundial, em 1949 ele comprou uma pequena fábrica de canetas esferográficas. As canetas vazavam tinta e sujavam os dedos, mas faziam sucesso, e Bich decidiu investir no produto. Procurou seu inventor, Ladislao "Laszlo" Biro, comprou a patente e iniciou a fabricação da caneta Bic, cujo modelo é praticamente o mesmo até hoje. Atualmente, são vendidas 10 milhões de canetas por dia.
A novidade chegou ao Brasil em 1961, e, durante algum tempo, era proibido assinar documentos e cheques com esferográficas. Mesmo assim, a Bic vendeu 3,6 milhões de unidades em seu primeiro ano no país.

AVON

O americano David McConnell vendia livros de porta em porta em Nova York, mas não era bem recebido nas casas. Então criou uma fragrância nova para presentear com vidrinhos de perfume quem aceitasse ouvir sua apresentação. Não demorou para perceber que o perfume estava fazendo mais sucesso que os livros. Em 1886, fundou a Perfume Califórnia para vendas de cosméticos em domicílio. Sua primeira vendedora foi uma viúva, que começou a recrutar outras mulheres. O nome Avon só foi adotado em 1939, numa homenagem à terra natal do dramaturgo inglês William Shakespeare, Stratford-on-Avon.


BOM-BRIL

Em 1948, Roberto Sampaio Ferreira recebeu como pagamento de uma dívida uma máquina de extração de esponjas de lã de aço, até então um produto importado, caro e pouco acessível. Depois de quatro anos, Ferreira decidiu substituir os métodos artesanais de produção por duas novas máquinas e instalou a primeira fábrica de esponjas de aço no país, comercializadas com o nome Bombril.

GATORADE
Na década de 1960, pesquisadores da Universidade da Flórida desenvolveram uma bebida que hidratasse rapidamente o corpo e que ajudasse a prevenir a desidratação muito comum por causa do clima quente e dos exercícios fortes. Em 1965, os pesquisadores testaram a fórmula em dez jogadores do time de futebol da universidade, os Gators, e a bebida ficou conhecida como Gatorade. Naquela temporada, o time experimentou um recorde de vitórias. Em 1967, a Stokely-Van Camp comprou os direitos para produzir e vender a bebida. A Quaker adquiriu a marca em 1983.

HERING
Enfrentando dificuldades na Alemanha, Hermann Hering foi para Blumenau (SC) depois de ouvir histórias sobre o Brasil. Chegou numa colônia onde a agricultura e a pequena indústria começavam a prosperar. Mas não havia ainda nenhuma tecelagem ali e roupas e tecidos estavam entre os produtos importados mais caros. No início de 1879, Hermann comprou um tear circular de madeira, movido a mão, e um caixote de fios de algodão. Chamou os filhos Paul e Elise e começou uma pequena produção de meias. Um ano depois, trouxe o resto da família. Seu irmão, Bruno Hering, veio apenas acompanhar a cunhada e os sobrinhos, mas se entusiasmou e tornou-se sócio do negócio. Nascia, então, a Gebrueder Hering. Em alemão, hering significa arenque, um peixe, e o símbolo da empresa representa a união dos irmãos. Quando Hermann morreu, em 1915, a Hering já era a maior malharia brasileira.

JEEP
O Jipe foi criado na Segunda Guerra Mundial como um veículo resistente para o envio de mensagens e reconhecimento de terreno. Desenvolvido por vários fabricantes, entre os quais a Willys-Overland Company e a Ford Motor Company, seu nome tem 2 origens possíveis. Jeep era um cachorrinho da história em quadrinhos Popeye. Na década de 1930, nos Estados Unidos, costumava-se chamar de jeep qualquer veículo para serviços pesados. A outra história é a de que Ford, ao construir sua versão desse carro robusto, colocou as letras GP (pronunciadas "gi pi" em inglês), que significavam general purpose (utilidades gerais), e as pessoas utilizaram as iniciais como um apelido.


KIBON


Em 1938, em Xangai, na China, a Hazelwood Ice Cream Company, indústria de sorvetes, ovos desidratados e chocolates, foi atingida pela guerra entre China e Japão. Seu proprietário, o americano U.S. Harkson, incumbiu o gerente comercial a procurar um outro país para implantar a empresa. Ele comprou uma fábrica de sorvete quase falida no Rio de Janeiro. No dia 24 de julho de 1941, foi fundada a primeira indústria brasileira de sorvete, a U.S. Harkson do Brasil, com 50 carrinhos, quatro conservadoras e sete funcionários. O primeiro sorvete que a Kibon lançou foi o Eskibon, seguido pelo Chicabon.

KODAK
O americano George Eastman, inventor do filme em rolo, revolucionou o mercado em 1888 criando uma máquina fotográfica simples, leve e barata. Ela foi batizada de "kodak", nome curto e fácil de ser pronunciado em qualquer língua. Ao terminar o filme, o cliente deveria levar a máquina até o local em que a havia comprado para que ele fosse retirado. As fotos eram reveladas e entregues em dez dias. Com o slogan "Aperte o botão que nós fazemos o resto", 90 mil máquinas kodak foram vendidas no primeiro ano.


MAIZENA

A Maizena foi criada nos Estados Unidos em 1856 pelos irmãos Duryea. O produto chegou ao Brasil em 1889 pela Refinações de Milho Brasil, subsidiária da norte-americana CPC International, detentora mundial da marca. Até a instalação da primeira fábrica, em 1930, o amido de milho Maizena era importado dos Estados Unidos e empacotado aqui. A embalagem amarela é a sua principal característica. O Analista de Bagé, personagem do escritor gaúcho Luís Fernando Veríssimo, costuma dizer que é "freudiano de carregar bandeirinha, mais ortodoxo do que rótulo de Maizena".


NESCAFÉ
Nos anos 30, houve uma superprodução de café e os preços do produto no mercado internacional despencaram. O Brasil, maior produtor na época, entrou numa crise séria. Entre 1931 e 1938, foram destruídas 65 milhões de sacas de café. Então as autoridades brasileiras sugeriram que a Nestlé, que já fabricava leite em pó, desenvolvesse um café solúvel. As pesquisas de Hans Morgenthales levaram 7 anos e seu grande mérito foi descobrir que se deveria acrescentar hidratos de carbono na matéria-prima para manter o aroma do café. A produção de Nescafé foi iniciada em 1939, mas o produto só chegou ao Brasil em 1953


OVOMALTINE

O químico suíço Georges Wander pesquisava um complemento alimentar nutritivo e forte e interessou-se pelo extrato de malte, obtido da cevada. Sua morte fez com que seu filho, Alberto, continuasse as pesquisas. Em 1904, Alberto Wander criou a fórmula do Ovomaltine, com extrato de malte de cevada, ovos, leite integral, cacau, vitaminas e sais minerais. Dois anos depois, começou a produzi-lo na cidade de Berna. O Ovomaltine é vendido no Brasil desde 1930. Naquela época, era importado da matriz, na Suíça. Em 1956, a Wander inaugurou sua fábrica em Resende (RJ) e começou a produção nacional.


OMO

O sabão em pó Omo foi criado pelo grupo inglês Unilever na década de 1930. Seu nome é a abreviatura de Old Mother Owl (velha mãe coruja). Na primeira embalagem, havia uma coruja estilizada. As letras "o" eram seus olhos, enquanto o "m" formava o nariz e o bico. Foi lançado no Brasil em 1957.

SANDÁLIAS HAVAIANAS

Por volta de 1960, começaram a chegar do Oriente as chamadas "sandálias tipo japonesa", que logo fizeram bastante sucesso no Brasil. Para concorrer com elas, depois de 2 anos de estudos, a São Paulo Alpargatas lançou, em 14 de junho de 1962, o seu modelo de sandálias de borracha, batizadas de Havaianas. Ao completar 35 anos, em 1997, a Alpargatas já tinha contabilizado 2 bilhões de pares vendidos - se fossem colocadas em fila indiana, um pé na frente do outro, as sandálias dariam 25 voltas do redor da Terra.


TODDY

Em 1916, depois que sua família perdeu toda a plantação de cacau em Porto Rico por causa de um tufão, Pedro Santiago imigrou para os Estados Unidos. Lançou o achocolatado Toddy no ano de 1930, em Porto Rico, criando um produto que tivesse as características de 2 bebidas: a escocesa Toddy, muito apreciada no inverno, à base de mel, creme de leite, gema de ovo e uísque; e a caribenha Rum Toddy, feita com melaço de cana, rum e cacau.
O Brasil foi o quarto país do mundo a receber o produto. Pedro Santiago recebeu em 15 de março de 1933 a permissão do Governo Provisório de Getúlio Vargas para comercializar o produto. Fez campanhas publicitárias inovadoras, com marchinhas de Carnaval e até aviões para grafar com fumaça o nome do produto nos céus do Rio de Janeiro. A empresa foi vendida em 1981 para a Quaker.
O Nescáo (é isso mesmo!) foi lançado em 1932 no Brasil. O produto só ganhou o nome Nescau em 1955.


YAKULTI

O doutor Minoru Shirota selecionou, em 1935, um lactobacilo especial, que conseguia atravessar a acidez do estômago e chegar vivo até o intestino para ajudar a dar mais equilíbrio às funções intestinais e à defesa natural do aparelho digestivo. Batizou-o de Lactobacillus casei Shirota. Nesse ano, começaram a fabricar o leite fermentado com lactobacilos vivos Yakult. O nome vem do esperanto e significa iogurte. Em cada frasquinho, existem, no mínimo, 400 milhões de lactobacilos vivos selecionados. O Yakult começou a ser produzido no Brasil em 1966.

fotos: divulgação

fonte: