OBS de 22/09/2016: Queridos leitores, infelizmente o site Jornal |Jardins,teve um problema e as fot

Minha foto

Sou uma apaixonada pela vida, sem limites pra sonhar...
Sou determinada, e adoro as coisas simples da vida... Não gosto de nada mal resolvido, sou preto no branco,o cinza não me convence...Sou sincera e verdadeira e só gosto de me relacionar com gente assim...
Pessoas, que como eu, tem atitude pra mudar o que não está bom, não se conforma, nem se acomoda com o mais ou menos....Ou está bom, ou a gente faz ficar.
A FELICIDADE ESTA EM NOSSAS MÃOS E DE MAIS NINGUEM.
POR ISSO ACORDA MENINA.

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

JANTAR BENEFICIENTE COM POCKET SHOW DE SAMUEL ROSA EM PROL DO ITACI

O cantor e guitarrista Samuel Rosa, do Skank foi a atração do jantar beneficente em prol do ITACI - Instituto de Tratamento do Câncer Infantil, realizado nesta terça-feira (17/11) no restaurante A Figueira Rubaiyat nos Jardins).

SAMUEL ROSA E O FOTOGRAFO SÉRGIO SAVARESE
Samuel Rosa, que vem apoiando o ITACI em várias ações destinadas a divulgar a causa do câncer infanto-juvenil no país - em especial, a importância do diagnóstico precoce para a cura da doença - fêz um pocket show durante o evento, que proporcionou aos convidados uma noite bastante animada.

DR. VICENTE ODONE FILHO
Um dos principais especialistas em câncer infantil do país, Dr. Vicente Odone Filho - coordenador-clínico do ITACI, pediatra e hematologista do hospital Albert Einstein e diretor-presidente da Fundação Pró-Sangue 

SOBRE O ITACI:
ITACI: um caso de sucesso na luta contra o câncer infantil

O ITACI – Instituto de Tratamento do Câncer Infantil é um hospital público ligado ao Instituto da Criança do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP. Iniciou suas atividades em dezembro de 2002 e, em 2012 (dez anos depois), atingiu a marca de 17.374 consultas médicas, 13.086 consultas multiprofissionais e 4.531 quimioterapias realizadas no ano. 

Em 2014, o ITACI ganhou uma nova ala, dedicada a UTI e a transplante de medula óssea. Com isso, a capacidade de realização de transplantes no hospital aumentou - foram realizados 38 transplantes ao todo no ano, que representam um aumento de quase 50% em relação aos 26 procedimentos desse tipo realizados em 2013. Além disso, o ITACI realizou 17.214 consultas médicas, 15.804 consultas multiprofissionais e 4.369 quimioterapias em 2014.

O atendimento no ITACI é gratuito, sendo que a maioria dos pacientes chega encaminhada pelo Instituto da Criança do HC ou pelas unidades do SUS (Sistema Único de Saúde). Do total de pacientes atendidos pelo ITACI, 30% em geral vêm de outros estados e até países. Outros 30% aproximadamente são procedentes de outras instituições públicas que não têm condições de realizar o tratamento de casos mais avançados da doença. Esse, aliás, é um diferencial do ITACI em relação a outras instituições especializadas em tratamento de câncer: o atendimento a crianças e jovens fora de possibilidade terapêutica, que não puderam ser tratadas em outros hospitais por estarem em estado avançado da doença.

A estrutura do ITACI inclui equipamentos de alta tecnologia, que permitem oferecer atendimento adequado e de qualidade aos seus pacientes - crianças e jovens de até 19 anos de idade. Na área de ambulatório, são 12 consultórios médicos, 4 salas para atendimento multiprofissional, 2 salas para pequenos procedimentos, um consultório dentário, uma sala de fisioterapia, além de 20 leitos de hospital-dia para quimioterapia. Na área de internação, o ITACI dispõe de 19 apartamentos individuais, equipados com mobiliário moderno e recursos para garantir o conforto do paciente e de seu acompanhante. Possui ainda uma ampla área reservada à recreação, dotada de brinquedoteca. Na área do novo centro de transplante de medula óssea, são mais 19 leitos, além de um centro cirúrgico para pequenas cirurgias.

As doações e recursos arrecadados por eventos beneficentes em prol do ITACI são utilizados na melhoria das instalações e do atendimento prestado aos pacientes do hospital - como compra de mobiliário e equipamentos médicos, informatização, etc. A manutenção básica do hospital (funcionários, medicamentos, alimentação etc.) é responsabilidade do governo do estado de São Paulo, ao qual todo o complexo do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP está ligado.

http://http://www.itaci.org.br/


foto: Sérgio Savarese