OBS de 22/09/2016: Queridos leitores, infelizmente o site Jornal |Jardins,teve um problema e as fot

Minha foto

Sou uma apaixonada pela vida, sem limites pra sonhar...
Sou determinada, e adoro as coisas simples da vida... Não gosto de nada mal resolvido, sou preto no branco,o cinza não me convence...Sou sincera e verdadeira e só gosto de me relacionar com gente assim...
Pessoas, que como eu, tem atitude pra mudar o que não está bom, não se conforma, nem se acomoda com o mais ou menos....Ou está bom, ou a gente faz ficar.
A FELICIDADE ESTA EM NOSSAS MÃOS E DE MAIS NINGUEM.
POR ISSO ACORDA MENINA.

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

RELIQUIAS HISTÓRICAS DO ACERVO DE ANTONIO AGUILLAR

Este mês de janeiro a cidade de São Paulo aniversaria,  e sempre é bom publicar fatos que fazem parte da história, como estes textos e fotos que recebi  pelo radialista, jornalista e apresentador Antonio Aguillar! As fotos foram tiradas por ele na ocasião dos 400 anos da cidade de São Paulo em 1954.
O mastro é no Pateo do Colégio onde nasceu a cidade de S.Paulo em 25 de janeiro.

São Paulo também é a cidade com a maior capacidade hoteleira do Brasil.. Segundo o Observatório de Turismo de São Paulo (SPTuris) são cerca de 42 mil apartamentos disponíveis, além de 62 hotéis com capacidade de receber 2.200 pessoas.
A capacidade gastronômica é outro destaque da cidade, onde há 1'5 mil restaurantes e 20 mil bares, segundo a SPTuris - e 52 tipos diferentes de culinárias além de 4.500 pizzarias.

ANTONIO AGUILLAR
Eu falando foi em 1954, por ocasião do 4o. centenário de S.Paulo, quando ainda era reporter fotográfico do jornal O Estado de S.Paulo, e queria ser radialista, por isso treinava num gravador do tamanho de um “bonde” zrzrzr

MERCADO MUNICIPAL
“As fotos a seguir são do Mercado Municipal, onde você além de adquirir produtos de primeira qualidade, come o famoso sanduiche de mortadela e o pastel de camarão. 

VALE DO ANHANGABAU
Vale do Anhangabau em 1954, quando a Câmara Municipal ainda não existia e no local era estacionamento de automóveis, cujo local era chamado de cemitério dos automoveis e vemos à esquerda o famoso Teatro de Aluminio, construído naquele local central da cidade. Quem dirigia esse Teatro era a atriz Nicete Bruno, por ocasião em que se casou com o Paulo Goulart.
 “Esta imagem é de um terreno baldio, onde havia um estacionamento de automóveis denominado Cemitério dos Automóveis – Rua Jaceguai em direção ao Vale do Anhangabaú – 1954. Depois no local foi construído o majestoso prédio da Camara Municipal de São. Paulo. A cidade se transforma e a gente nem percebe. Bons tempos. A esquerda da foto é a Rua Sto Antônio, onde existia a sede da Associação Cristã de Moços. Ao fundo o Viaduto do Chá e lateralmente os Edifícios existentes até os dias de hoje.” (Antônio Aguillar, repórter fotográfico do jornal O Estado de S.Paulo de 1950 a 1960)

AV. SÃO JOÃO 1954
Foto: Antonio Aguillar, para o Jornal O Estadão “Em 1954 por ocasião do 4o. Centenário de São Paulo Aguillar fotografou a Av São João para o jornal O Estado de S.Paulo. Veja como ela era desde o Largo do Paisandu em direção ao centro onde se vê um ciclista trafegando tranquilamente no meio dos carros e havia a linha de bonde no asfalto. Ao fundo os prédios do Banco do Brasil, Banco do Esgtado e o Martinelli. A Armour também pode ser vista à esquerda. São Paulo ainda era uma cidade da garoa.” (Antonio Aguillar)

 DEMOLIÇÃO DA IGREJA DE ANCHIETA NO PATÉO DO COLÉGIO

São Paulo esta comemorando 461 anos. É considerada a maior cidade do Brasil e não tem tido muito motivo para comemorar. Há 461 anos chegavam os primeiros padres jesuítas que fundaram um colégio no alto da colina na então povoaçãode São Paulo de Piratininga em 1554 (veja na imagem abaixo retratada pelo Aguillar Pateo do Colégio demolição da Igreja de Anchieta no Páteo do Colégio. 
Desdde então a cidade nunca mais parou de crescer. É considerada o maior centro financeiro da América do Sul, a mais populosa do Brasil e dona de um dos PIBs mais altos do mundo.
Principal destino de negócios do Brasil, são Paulo é a cidade que mais recebe turistas no Pais e também o maior emissor de visitantes para outros estados. Mais da metade (56,7%) dos estrangeiros estiveram aqui para eventos, convenções e compromissos de trabalho, de acordo com estudo do Ministério do Turismo. 

EDIFICIO SANTA HELENA
Fotografei o Edifício Sta Helena, em 1954 cujo projeto foi do escritório do Engo. Ramos de Azevedo. Foi demolido para dar lugar ao Metrô Sé e ampliar a Praça da Sé logo ao lado da Catedral Metropolitana. Nele funcionava o Cine Sta Helena e o Cine Mundi que era mais popular. A Prefeitura tinha suas instalações nesse prédio e depois mudou para o Ibirapuera. Uma pena a demolição de um edifício histórico que marcou muito a cidade de S.Paulo. Recordar é viver.

AGUILLAR COM O GOVERNADOR LAUDO NATEL, PREFEITO FARIA LIMA E O PREFEITO OLAVO SETUBAL
Aguillar teve algumas de suas fotos publicadas no livro “Paulistânia Eleitoral Ensaios, Memórias, Imagens”, organizado por José D`Amico Bauab e lançado pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo, por ocasião dos 80 anos de criação da Justiça Eleitoral Brasileira, como estas a seguir, extraídas das páginas 242 e 243 do livro
Aguillar gravando declaração de Carvalho Pinto. Jânio Quadros é entrevistado pelo repórter Newton Carlos em 1954, quando foi eleito Governador.

BAIRRO DO PACAEMBU
O bairro do Pacaembu nos anos 60 por ocasião das partidas de futebol. A frente do Estadio do Pacaembu hoje Machado de Carvalho, ficava lotado de automóveis e muita gente que iam assistir as partidas de futebol

O PRÉDIO ABAIXO NÃO EXISTE MAIS
 Em 1905 funcionou o Hotel Paulista e por volta de 1954 desativado, as salas eram alugadas para academias, escritórios e outras atividades. Hoje no local é a estação do Metrô fica na Rua Boa Vista com a Rua São Bento, área central de São Paulo. Mais uma imagem retratada por mim e que esta entre outras que já foram expostas a visitação em diversos locais de São Paulo e outras cidades. 

PESSOAS QUE FIZERAM A HISTORIA DE SÃO PAULO
ATRAVES DAS LENTES DE ANTONIO AGUILLAR

PIAFF
Foi registrada Edith Giovanna Gassion em Paris dia 19 de dezembro de 1915 e faleceu no dia 11 de outubro de 1963. Esta foto de minha autoria, foi registrada no Hotel Jaraguá, quando ela veio ao Brasil. Rua Major Quedinho, 28 onde funcionava também a redação do jornal O Estado de S. Paulo, onde trabalhei durante 10 anos. Dos sete aos oito anos, Edith ficou supostamente cega devido a uma queratite. De acordo com uma de suas biografias, ela curou-se depois de as prostitutas a terem levado pra orar no tumulo de Santa Teresa de Lisieux (conhecida popularmente como Santa Teresinha) Devido a esse episódio , Eddith conservou devoção a Santa Terezinha por toda a vida. Aos l8 anos Edith Piaf teve sua uica lfilha, Marcelle que morreu de meningite com dois anos de idade em 7 de julho de 1935; Edith Piaf foi descoberta nas ruas de Paris cantando e mais tarde se tornou a voz da frança. Edith Piaf esta sepultada na mais celebre necrópole parisiense. Seu funeral foi acompanhado por uma multidão poucas vezes vistas na capital francesa. Hoje seu túmulo é um dos mais visitados por turistas do mundo inteiro.

WILMA BENTIVEGNA E NINON SEVILHA
Em 1954 juntas comemorando o 4o.Centenário da cidade de São Paulo. As duas cantoras participaram de programas especiais na TV Tupi de São Paulo. A Wilma Bentivegna tem 85 anos, reside no município de ´Poá e esta com mal de alzhehemer

TRES GRANDES MONSTROS SAGRADOS DO TEATRO BRASILEIRO - NICETE BRUNO - PAULO AUTRAN - TONIA CARRERO.
Essa fotografia registrei com minha máquina Speed graphic 6X9 nas dependências do jornal O Estado de S.Paulo em 1953 por ocasião da entrega do Premio de Teatro O SACY. Nicete Bruno foi registrada Nicete Xavier Miessa em 7 de janeiro de 1933, Iniciou na carreira artística aos 4 anos de idade na Radio Guanabara do Rio de Janeiro.´ Depois fez várias peças teatrais recebendo muitos prêmios. Aos l7 anos de idade ela fundou em São Paulo, o Teatro de Aluminio na Praça das Bandeiras. Em 1952 Nicete conheceu o ator Paulo Goulart, durane a peça Senhorita Minha Mãe, de Louis Verneuil, com quem se casa em 1954 por ocasião do 4o. Centenário da cidade de S.Paulo. 
PAULO AUTRAN foi registrado Paulo Paquet Autran no Rio de janeiro em 7 de setembro de l922 e faleceu em S.Paulo em 12 de outubro de 2007, foi um ator de teatro, cinema e televisão. Estudou Direito em São Paulo em 1945 pensando ser um diplomata. Desapontando na profissão de Advogado, participou de algumas peças teatrais.. Aceitando o convite de Tonia Carrero fixou no teatro e se deu bem.
Fez filme e foi sucesso também. Faleceu aos 85 anos de idade e seu corpo foi cremado no Cemitério de Vila Alpina.
Tonia Carrero nasceu Maria Antonieta de Farias Portocarrero - Rio de Janeiro em 23 de agosto de 1922 uma grande atriz brasileira. Apesar de graduada em educação, física, foi obtida em cursos em Paris, quando já era casada com o artista plástico Carlos Arthur Thiré, pai do ator e diretor Cecil Thiré. Fez filmes para o cinema brasileiro e triunfou no teatro estreando no Teatro Brasileiro de Comédia. Ai esta um resumo desses grandes artistas inesquecíveis. Eu me sinto honrado em fotografa-los para o Estadão um dos maiores e mais respeitados jornais do Brasil. O Paulo Ribeiro esta escrevendo um livro com minha biografia e tenho a convicção que vai ser um Best Seller, em virtude de seu conteúdo histórico.

Hoje São Paulo vive momentos de angustias com a falta d'água e os impostos mais caros. Assim mesmo vale a pena viver nessa grande metrópole.

fotos:
Antonio Aguillar
fonte:
https://luciazanetti.wordpress.com/2013/01/10/reliquias-historicas-do-acervo-de-antonio-aguillar/